Início > Uncategorized > Entretanto, em Sintra…

Entretanto, em Sintra…

Chamem-me o que quiserem, mas tenho para mim que, qualquer preso é, socialmente, inferior a qualquer um de nós. Todo o indivíduo que comete crimes, é caçado, julgado e obtém sentença, faz parte de um grupo (cada vez menos) restrito de gentalha que não sabe compreender os mecanismos pelos quais a sociedade se rege. Não merecendo, portanto, o meu respeito.

Pois bem, e agora vejo isto. Segundo a notícia, os reclusos do Estabelecimento Prisional de Sintra encontraram na greve de fome o veículo para fazer ouvir as suas exigências, nomeadamente a distribuição de melhor comida e, pasmem-se, a posse de Playstations 2 nas celas. Actualmente os reclusos já têm direito a rádio, TV e uma Playstation 1. Mas os meninos assassinos, violadores e raptores acham que com os títulos da primeira consola da Sony são parcos em violência. Ora bolas, um gajo quer ter uma consola que possua no seu catálogo de jogos um GTA com possibilidade de gamar carros, matar gente e frequentar bares de prostitutas! Numa de matar saudades. É compreensível. Então os meninos acham que os seus estômagos interessam aos guardas prisionais, ou sequer ao resto do país. Ou então querem, simplesmente, ter os seus 15 minutos de fama.

Mas, de uma maneira ou de outra, sou apologista da berdoada pedagógica. Se a resolução do problema estivesse sob minha jurisdição, já tinha racionado a quantidade de comida que lhes era dada, para aprenderem a dar valor ao que têm. Após umas semanas a comer mal como os cães, meti-os todos a fazer trabalho comunitário. Pesado, de preferência. Para sentirem na pele o que é realmente estar preso. Pois aquilo, para muitos, passa por hotel gratuito.

Acho inconcebível estas criaturas serem acomodadas com muitas mordomias, em muitos casos, têm mais conforto que muitas famílias portuguesas. Não trabalham, não fazem nada. E, quando são postos em liberdade, ainda lhes é dado o Subsídio de Reinserção Social. E tudo isto financiado com o dinheiro que cada trabalhador desconta do seu ordenado ganho honestamente. É injusto. É errado bolas.

Estas são apenas palavras de uma pessoa que sente a revolta de ver o seu dinheiro investido em seres humanos execráveis, sem sentido de responsabilidade nem tão pouco capacidade de viver em sociedade. Seres esses que, no fundo, são encorajados a manterem a sua conduta de Vida, pois se têm tudo, não se devem esforçar muito mais.

Enquanto o politicamente correcto participar em orgias com a estupidez, a hipocrisia e a injustiça, cada vez mais vale a pena roubar, matar e violar, pois afinal, o castigo assemelha-se demasiado com uma colónia de férias. Não a uma forma de fazer ver que as pessoas erram, e mostrar soluções… Tal como devia ser.

  1. esponjinha ^^
    12 Agosto, 2010 às 14:16

    Qualquer dia poem se a exigir a wii fit e o singstar, so para terem uns momentos de lazer -.- era suposto estarem lá para serem punidos e aprenderem a dar valor à Vida deles e dos outros, a respeitar. Em vez disso, estão a criar-se meninos mimados no estabelecimentos prisionais. Muito bom ! Enfim..

    Beijinho coisa ruim ^^

  1. 7 Agosto, 2010 às 19:16

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: