Início > Uncategorized > PCP no seu melhor…

PCP no seu melhor…

“O encontro entre o vice-ministro chinês da Pesca e ministra norueguesa da Pesca, agendado para amanhã, foi cancelado. A decisão vem no seguimento da atribuição do Prémio Nobel da Paz ao dissidente chinês Liu Xiaobo.

A informação foi dada a conhecer no mesmo dia em que a China impediu os diplomatas europeus de se encontrarem com a mulher de Xiaobo. O país asiático foi tão peremptório na sua decisão que chegou ao ponto de desligar o telefone de Liu Xia.

No domingo, Xia já tinha ficado em prisão domiciliária, após ter visitado o marido na cadeia, e o ter informado acerca do prémio. Ao tomar conhecimento da nomeação, Xiaobo, que está a cumprir 11 anos na cadeia, decidiu dedicar o prémio aos que morreram a 4 de Junho de 1989, na Praça de Tiananmen, em Pequim.

O Nobel da Paz, atribuído pelo comité norueguês, criou tensões com a China, apesar de o governo da Noruega não ter voto na matéria.”

Jornal Metro nº 1298


Dia 8 deste mês, Xiaobo recebeu o Prémio Nobel da Paz, pela sua incessante e pacífica luta em prol dos Direitos Humanos. Estamos, portanto, a falar de alguém que participou durante a sua juventude em várias manifestações na China, a fim de se obter a Democracia naquele país politicamente fechado e estupidamente esquerdista. Ora, pelos meus padrões, alguém que lutou, desta forma, e sem parar, merece, com toda a justiça, a honra de receber tal prémio. Porém, ontem, vem o Partido Comunista Português (PCP) afirmar que esta nomeação é “(…) mais um golpe na credibilidade do galardão (…)”. Acho, portanto, incrivelmente hilariante um partido democrático vir a público afirmar que, alguém que sempre lutou de forma justa pelo sistema político onde se apoiam e sustentam, não merece tal distinção. Deplorável. Os senhores comunistas nacionais deviam saber separar o fanatismo esquerdista que demonstram ao proteger o regime comunista chinês, do bom senso necessário e imprescindível na Vida política. Se calhar amanhã vêm todos orgulhosos apoiar fanaticamente o anúncio do sucessor de Kim Jong-Il no poleiro do poder da Coreia do Norte, um país opressor e intérprete de uma real ameaça marcial. Mas, uma vez que se rege pelo comunismo, já é uma enorme e justa nação, que terá em Kim Jong-Un a segura perpetuação da ditadura esquerdista que sufoca a população há mais de cinco décadas. Mas de quem condena a oferta de tal prémio a quem viu milhares de camaradas morrer às mãos do exército do próprio país, (ver Massacre da Praça de Tiananmen) já se espera tudo. Atitude escusada, no fundo…

Portanto, o nosso PCP é um partido acéfalo e fanático. Acéfalo porque não vê que a posição que acaba de tomar ofende a democracia, que o partido tanto diz adorar. Fanático, porque não olha ao contexto, nem avalia as variadas situações com a sapiência que se exige. Lembra-me o nacionalismo, tão característico da extrema direita; não pressupõem mais nada, à excepção dos seus próprios ideais.

Com tudo isto, a crise política que vivemos hoje no país, é não só de desacordo, como também, e ao que parece, de identidade do flanco esquerdo do parlamento, pois já não sabem o que fazer com a foice e o martelo que dizem empunhar. Pobres Marx e Lenine, que nunca pensaram que os seguidores dos seus ideais seriam tão insipientes em terras lusas.

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: